Desfibrilador

É o equipamento utilizado na parada cardiorrespiratória é com objetivo de restabelecer ou reorganizar o ritmo cardíaco. O primeiro equipamento foi elaborado através de Claude Beck em 1947 utilizado em intra-operatório ( desfibrilação interna ). Em 1956 o médico Paul Zoll elaborou a teoria e o equipamento da desfibrilação externa. O Desfibrilador Automático Externo (DEA), utilizado em parada cardiorrespiratória, tem como função identificar o ritmo cardíaco ou fibrilação ventricular, presente em 90% das paradas cardíacas. Efetua a leitura automática do ritmo cardíaco através de pás adesivas no tórax. Tem o propósito de ser utilizado por público leigo, com recomendação que o operador faça curso de Suporte Básico em parada cardíaca. Hoje, são utilizados equipamentos em Unidade emergência e UTI, com cargas monofásicas que variam de 0 a 360 Joules ou Bifásicas de 0 a 200J. Descarga: 200 J ( volts:1.2483012726188 x 10²¹ ) e 360 J ( monofásico ) em adultos. Crianças, acima de 8 anos – 100 J (6.241506363094×10²°). Não há consenso na utilização de crianças com menos de 30 kg.

O DEA, Desfibrilador Automático Externo, é equipamento capaz de efetuar desfibrilação com leitura automática, independente do conhecimento prévio do operador.
Desfibrilador

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.