Criminalização do ato de disseminar o pensamento antivacinas, individualmente ou em grupo

O sucesso das vacinas é indiscutível, porém um grupo cada vez maior tem se dedicado a convencer outras pessoas de teorias da conspiração e dados inventados. A Livre Expressão é um direito amparado pela constituição, porém não se deve abusar deste direito à custa de um risco real à vida de crianças.
O crescimento do movimento antivacinas foi responsável por surtos recentes de sarampo e outras doenças na Europa e EUA. Preocupa também a morte recente de um bebê amazonense de 7 meses, vítima de sarampo, além de centenas de casos suspeitos e confirmados desta doença. Deve-se considerar a criminalização do ato específico de buscar incentivar terceiros a não vacinarem a si mesmos e seus filhos.
Ao receber 20.000 apoios (data limite: 08/11/2018), a ideia se tornará uma Sugestão Legislativa e será debatida pelos Senadores.
https://www12.senado.leg.br/ecidadania/visualizacaoideia?id=107815&voto=favor

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.