Quem inventou o Termômetro?

Antes dos chamado termômetros modernos, houve muitas outras tentativas de medição da temperatura. No ano 3 a.C. Philon de Bizâncio teria sido o inventor do primeiro aparelho sensível à variação térmica. Chamado de termoscópio, ele consistia em um vaso de chumbo vazio e um vaso de água, unidos por um tubo. Quando o vaso de chumbo era aquecido, o ar existente nele e no tubo se expandia, produzindo bolhas na água do outro vaso. Ao ser resfriado, era a água que subia pelo tubo, indo molhar o recipiente de chumbo.

Em 1592, Galileu Galilei retomou o princípio do termoscópio, mas com uma forma um pouco diferente. Seu aparelho era um tubo cheio de ar e mergulhado em uma tigela de água, de tal modo que o nível de água descia à medida que aumentava a temperatura. Mas esse invento tinha uma falha: como o tubo se encontrava dentro de uma cuba não selada, estava sujeito às mudanças de pressão, um conceito ainda novo para os sábios da época. Só em 1643, quando o físico italiano Evangelista Torricelli inventou o barômetro de mercúrio, é que se demonstrou o princípio da pressão atmosférica, e os instrumentos começaram a ser hermeticamente fechados para que a medição fosse a mesma em todas as alturas.

Esses primeiros aparelhos traziam algumas inovações como substituir o ar por álcool ou mercúrio. Mas restava, ainda, estabelecer uma graduação Quem inventou o termômetro?numérica padrão, pois eles se baseavam nos mais bizarros pontos fixos: a temperatura da neve no frio, a temperatura de uma vaca, a da fusão da manteiga etc…

Até que, no século XVIII, se estabeleceram as escalas termométricas conhecidas até hoje. Uma das primeiras foi a de Daniel Fahrenheit, um fabricante de instrumentos meteorológicos. Ele adotou como ponto mínimo , a temperatura de uma mistura de gelo, água, sal e amônia e, como ponto máximo, a de ebulição da água, à qual deu o valor arbitrário de 212 graus.

O físico sueco Anders Celcius preferiu a temperatura de congelamento e a fusão da água. Definiu como ponto de fusão zero e cem para congelamento, o que foi depois invertido. Já o físico inglês William Thomson Kelvin introduziu o conceito de “zero absoluto”, que é a temperatura em que as moléculas de um gás permanecem imóveis e calculou esse valor em -273 graus Celcius.

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.