Ciência do Amanhã

A ciência avança com mais ciência

Quem inventou o espelho?

Clique aqui para ouvir o texto

Os espelhos de vidro prateado, encontrados em todo o mundo hoje, começaram na Alemanha, em 1835. O químico alemão Justus von Liebig desenvolveu um processo para aplicar uma fina camada de prata metálica em um lado de um painel de vidro transparente. Essa técnica foi logo adaptada e aprimorada, permitindo a produção em massa de espelhos.

Justus von Liebig
Justus von Liebig

Os espelhos modernos podem ter se originado no século 19, mas os espelhos em si existem há muito mais tempo. De acordo com uma revisão de 2006 do cientista Dr. Jay Enoch, na revista Optometry and Vision Science, as pessoas na Anatólia, também chamada de Ásia Menor, fabricaram os primeiros espelhos de obsidiana polida (vidro vulcânico) há cerca de 8.000 anos atrás.

Espelhos feitos de cobre polido surgiram mais tarde na Mesopotâmia e no Egito de 4.000 a 3.000 aC. Cerca de 1.000 anos depois, as pessoas na América Central e do Sul começaram a fazer espelhos de pedra polida, enquanto fabricantes de espelhos chineses e indianos os fabricavam de bronze.

No primeiro século d.C., romanos registraram o uso de espelhos de vidro em sua enciclopédia História Natural, mas os espelhos, aparentemente, nunca entraram em uso geral na época.

Clique no vídeo para ouvir o texto:

Fontes: https://www.livescience.com/34466-who-invented-mirror.html

https://journals.lww.com/optvissci/Abstract/2006/10000/History_of_Mirrors_Dating_Back_8000_Years.17.aspx

https://www.liebig-museum.de/liebig/

https://www.britannica.com/technology/mirror-optics

https://www.britannica.com/place/Anatolia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: