O homem foi a lua?

Caçadores de Mitos:

Canal Nostalgia (com palavrões):


Nerdologia:

Manual do Mundo:


Mensageiro Sideral: 

NASA:


Se o homem já pisou na lua, por que ninguém foi lá depois do projeto Apollo?

Custa um caminhão de dinheiro, e não há mais Guerra Fria. Na época em que o Projeto Apollo estava se desenrolando, 5% (dependendo da época chegava até 10%) do orçamento do governo americano ia para a NASA. Atualmente, esse valor é inferior a 0,5% (foram 6 missões Apollo e 12 astronautas, quer mais?).

Como era feita a transmissão ao vivo?

Da câmera de televisão acoplada ao módulo lunar, a imagem viajava 380000 quilômetros até uma estação na Austrália, de lá para um satélite de televisão a 36000 quilômetros de altura, depois via conexões de cabo e rádio para o centro de controle da NASA em Houston no Texas e, finalmente, para o mundo.

E-Farsas:

No auge do projeto Apollo, quase meio milhão de pessoas trabalhavam nisso (de acordo com cálculos feitos pelo site de língua inglesa da ONG Clavius) e até hoje, 45 anos depois, ninguém “abriu o bico”!

Alguns sites ainda argumentam que nem todo mundo precisaria ficar sabendo da farsa, pois somente o alto escalão da NASA estaria envolvido no plano. Mas, como a fabricação das naves era terceirizada, os técnicos (de fora da NASA) que ajudaram a projetar e construir as naves e os equipamentos usados na viajem teriam que saber da fraude também.

Isso porque ainda não colocamos nessa conta os parentes dos funcionários… 

O fato é que manter tanta gente calada por tanto tempo é muito difícil e bastaria um envolvido falar para todo o plano ir por água abaixo!

Como foi dito no tópico anterior,  manter essa turma toda calada deve ter um preço.

A NASA teria que gastar muito dinheiro pra manter a farsa do projeto. Calcule aí os mais de 500 mil “agradinhos” que os Estados Unidos teriam pago aos cúmplices: Gastariam mais com subornos do que se tivessem mandando mesmo os homens para o espaço!

União Soviética estava competindo (e ganhando, em algumas vezes) com os Estados Unidos para ver quem conseguiria levar o primeiro humano à Lua. Se houvesse algum indício de farsa mesmo, com certeza os soviéticos iriam divulgar pra todo o mundo. Sem dó nem piedade!

Os astronautas do Projeto Apollo trouxeram 382kg de rochas lunares que foram estudadas por diversos cientistas no mundo inteiro. Até os russos (rivais dos EUA) puderam comparar as pedras trazidas pelos Estados Unidos com amostras (cerca de 300 gramas) que eles haviam trazido anos antes de missões não-tripuladas, da série Luna. Se os soviéticos encontrassem alguma diferença na composição entre as pedras americanas e as russas, certamente iriam chiar e a farsa cairia por terra!

O projeto Lunar Laser Ranging Experiment foi desenvolvido pela NASA para que consigamos saber com exatidão a distância entre a Terra e a Lua. Para isso, foram instalados alguns espelhos na Lua, que refletem feixes de laser disparados daqui da Terra. As luzes dos lasers são apontadas para esse espelhinhos, que refletem os feixes de volta e, o cálculo do tempo dessa “ida-e-volta” resulta na distância Terra-Lua.  O cálculo é:

Distância = (velocidade da luz × Tempo levado para a luz para refletir) / 2.

Um dos espelhos foi instalado lá pela Apollo 11 e mais dois foram colocados na superfície lunar, tempos depois, pelas missões Apollo 14 e Apollo 15.

Separamos abaixo uma das imagens tiradas pela da sonda americana Lunar Reconnaissance Orbiter, lançada em 2009. Podemos ver num dos locais onde a missão Apollo 11 pousou restos do módulo de pouso, além de mais alguns instrumentos e as trilhas deixadas pelos jipes norte-americanos:

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.